25 outubro 2006

Onde foram parar esses 20 anos?!

Normalmente o tempo passa e a gente nem se dá conta de que ele existe. Os minutos escoam enquanto a gente tá sentado em frente ao PC, postando. Os dias fluem enquanto a gente trabalha, e assim as semanas, os meses, os anos. Mas às vezes acontece alguma coisa que faz com que a gente leve uma bofetada do tempo na cara e se dê conta de que ele passou. Hoje EU levei uma bofetada do tempo.

Atendi no escritório um casal de amigos do meu pai, que de hoje em diante também meus clientes. No ônibus, voltando pra casa, lembrei que os conheci quando tinha acabado de completar 18 anos, e escapulindo da casa da minha mãe, fui pedir refúgio na casa do meu pai. Aí fiz as contas: bom, se estou com 36, isso foi há...QUASE VINTE ANOS! CADÊ ESSES VINTE ANOS QUE TAVAM AQUI AGORINHA MESMO?

Fiquei bestificada e profundamente incomodada com isso! Se alguém me perguntasse quando eu fugi de casa, diria que foi mês passado, tá bom, ano passado, mas não há quase vinte anos. Não pode ser. Exageros à parte, o meu espanto demonstra porque a reencarnação é uma idéia reconfortante para tantas pessoas. Uma vida é simplesmente pouco tempo pra fazer tudo, precisamos de mais umas duas ou três, pelo menos.

É por isso que existe gente que acha que dormir é um desperdício de tempo. Apesar de adorar dormir, sou obrigada a concordar que uma vida, por mais anos que dure, é muito curta pra perdemos tanto tempo parados em cima de uma cama. Essa idéia fica ainda mais tenebrosa se pensarmos que na velhice poderemos ser obrigados a ficar em cima de uma cama o dia inteiro, em razão de doenças. Aliás, pensando bem, trabalhar também é perda de tempo, porque enquanto estamos no escritório estamos deixando de fazer tantas outras coisas que desejamos. Eu ainda quero conhecer a Europa, quero dirigir um caminhão, fazer raffting (é assim que se escreve?), fazer um curso de mergulho, ir à praia no Nordeste, tirar foto com Papai Noel em Gramado, publicar um livro. Mas como terei tempo pra tudo isso, fora o que não listei mas quero fazer, se passo horas no escritório, se perco tempo vendo novela e escrevendo no blog?

Não sei, não sei. Acho que esse é um problema sem solução, pelo menos por enquanto. Pode ser que a solução esteja no futuro, na minha reencarnação. Se acontecer, prometo que volto pra contar pra vocês. Mas por enquanto, só o que me resta fazer é deixar essas reflexões de lado e ir ao supermercado fazer compras.

pão
leite
açúcar
Nescau
leite condensado
peito de frango
...

1 Comments:

Blogger Beleza EXTERIOR said...

Pois é...o tempo...
como contorna-lo, como confronta-lo?
é complicado...
ainda estou com meus 18! veremos se daqui a 20 anos tenho esta mesma sensação!
flws

Pedro
http://belezaexterior.blogspot.com/

25/10/06 22:15  

Postar um comentário

<< Home

Loading...